quarta-feira, 16 de abril de 2008



Não é justo, não consigo compreender, sinto-me desamparada, como me tirassem o fôlego e me mergulhassem no oceano mais profundo.
Como roubassem o meu coração, que o levassem para bem longe de mim, que o enterrassem numa floresta sombria onde a luz do sol não consegue chegar.
Sinto-me apenas uma vadia sem destino e sem regresso, que apenas vagueia nas ruas sem nome, que procura o seu amor apesar da falta de esperança, pois sabe que não será num cruzar de ruelas que encontrará tamanha raridade.

2 comentários:

Lord of Erewhon disse...

Realmente... és um pouco inconstante... :)

Dark kiss.
P. S. Curti a «Nota», a tua geração é um mimo! - um blog faz-se com tudo.

Monitor de LCD disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Monitor de LCD, I hope you enjoy. The address is http://monitor-de-lcd.blogspot.com. A hug.