quinta-feira, 12 de novembro de 2009

Lisboa,

provoca em mim, uma felicidade infeliz.
É demais a sua beleza para mim, que me torno tão pequena.
Sinto-me incapaz ao observar o Rio Tejo...
Apetece-me agarra-lo, fazer dele meu, possuí-lo!
Mas depois, longe de tudo isto, são apenas memórias, uma fotografia em mente, que me tortura...

4 comentários:

Luka disse...

Lisboa e grande, Lisboa e um lar, Lisboa e de so tua e Lisboa e de toda a gente.
Lisboa...

Marie. disse...

Isto sabe-me bem.

Anónimo disse...

Em breve vais abraçar de novo o rio Tejo :) Aproveita esse momento para avivar a tua memória.

Paula

Isa disse...

Bom fim-de-semana minha querida.
Diverte-te ♥